PROJETO DE PESQUISA

EQUIPE                 CONSEPE 128/2008      FAPESB 08/2015            RELATÓRIOS

Projeto de Pesquisa: Edição e Estudo das Obras Inéditas de Eulálio Motta (Resolução UEFS/CONSEPE 128/2008 – Edital Jovem Cientista Baiano 008/2016)

RESUMO: Eulálio de Miranda Motta (1907-1988) escreveu diversas obras que ainda se encontram inéditas em seu acervo pessoal. O presente projeto visa editar e estudar essas obras, a partir das fontes preservadas em cadernos, cadernetas, folhas avulsas, datiloscritos e outros documentos do acervo. A metodologia da pesquisa será baseada nos pressupostos (i) da Crítica Textual, que tem por objetivo primordial o estabelecimento do texto mediante a aplicação do método crítico; (ii) da Crítica Genética, por conta de seu interesse pelos manuscritos dos escritores e pelos processos de criação; (iii) da Lexicologia e da Lexicografia, que se propõe a estudar e organizar o léxico de uma língua; e (iv) as novas abordagens da edição de textos em meio digital. Entretanto, uma edição digital exige sempre um diálogo multidisciplinar, envolvendo campos de estudo que variam de acordo com o tipo de texto editado. No caso das edições digitais, por exemplo, conhecimentos da área de informática são indispensáveis. Pretende-se elaborar dois tipos de edição das obras: uma impressa e uma digital a ser publicada na Web (hiperedição), baseando-se no modelo desenvolvido por Patrício Barreiros (2013) para edições digitais. O projeto Edição e estudo das obras inéditas de Eulálio Motta foi criado em 2008 (Resolução CONSEPE 128/2008) e se estrutura em quatro etapas. Na 1ª etapa (09/2008-08/2011), foi feita a descrição, elaboração do inventário, sistematização e digitalização do acervo, definição do arranjo arquivístico, limpeza dos documentos, pequenos restauros, definição do método de acomodação, elaboração do código catalográfico e da política de consulta. Na 2ª etapa (09/2011-08/2013), foi feita a identificação dos projetos de livros idealizados pelo escritor, localização dos testemunhos textuais das obras inéditas, edição de cinco cadernos, a edição crítica dos sonetos, publicada em formato de livro Sonetos de Eulálio Motta (BARREIROS, P., 2012), a edição do manuscrito inédito Bahia Humorística (BARREIROS, L., 2012) e a edição hipertextual dos Panfletos de Eulálio Motta (BARREIROS, 2013). Na 3ª etapa (09/2013-08/2016), foi dada continuidade às edições dos cadernos e de outros documentos do acervo do escritor. Para a 4ª etapa (09/2016-08/2019) está previsto a continuidade das edições dos documentos do acervo, a edição e publicação (impressa e digital) dos livros inéditos: Luzes do crepúsculo3º edição de Canções do meu caminhoFlores e espinhosLágrimasMeu caderno de trovas e uma Coletânea dos textos publicados em jornais, A correspondência de Eulálio Motta a construção do Portal Web para publicar as edições digitais e a estruturação do sistema de banco de dados dos documentos digitalizados. A edição digital segue o modelo elaborado por Patrício Barreiros (2013) e inclui o dossiê arquivístico e a anotação lexical dos textos. A 4ª Etapa está regulamentada pela Resolução CONSEPE 070/2016.

Anúncios